A diretora de cinema Agnès Varda morre de câncer

A diretora de cinema Agnès Varda morre de câncer

Agnès Varda faleceu. Aos 90 anos, a cineasta perdeu a luta contra o câncer. Luto por Agnès Varda. A diretora de cinema morreu na noite de sexta-feira aos 90 anos. Ela sucumbiu ao câncer. A agência de notícias francesa AFP informou na sexta-feira, informando sua família. Nascida na Bélgica e criada na França, a cineasta foi a primeira mulher a ganhar o Leão de Ouro de Veneza em 1985 com “Sans toit ni loi”. Mais tarde, Agnès Varda também trabalhou como artista visual. Na Berlinale, recentemente, seu novo filme “Varda by Agnès” ficou sem concorrência. Sua filha Rosalie era produtora. Agnès Varda tem uma carreira de mais de 60 anos e foi honrada e premiada. Seu grande sucesso “Sans toit ni loi” contou a história de uma mulher que vagueia pelo sul da França e morre de frio. Agnès Varda foi considerada uma pioneira do cinema de autor e a avó de “nouvelle vague”, movimento que na década de 1960 contrariava o tradicional cinema narrativo. Durante muito tempo, ela pertenceu aos cineastas idiossincráticos do nosso tempo com suas obras que oscilam entre realidade, ficção e poesia.

Miguel Leite Collado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *